Páginas

sábado, 15 de outubro de 2011

HOMENAGEM AO PROFESSOR



 “Toda engajada...”

Assim é a professora: mulher sábia, inteligente, sensível, cumpridora de seus deveres; Sempre pronta para redigir, calcular, medir, traduzir, produzir, exercitar, interpretar, localizar, misturar, decifrar, enfim, engajada. Sabe ser doce sem ser enjoada, engraçada, sem ser piegas, extasiante, sem ser droga; sabe “ser firme sem perder a ternura, jamais”. O que seria da humanidade se não fosse esse ser, sempre pronta a resolver os problemas do mundo, mesmo sem poder resolver seus próprios problemas. Mas, assim é a professora, dona da verdade sem ser prepotente, às vezes ingênua mesmo não sendo inocente; muitas vezes mãe e nem ao menos esteve gestante; quantas vezes psicóloga e nem sabe quem é Freud. Quem dera todos valorizassem essa profissional, tão consciente de suas obrigações, mas tão impotente, por não ter nas mãos a resolução dos problemas. Entretanto ela vai caminhando “e caminhando chega no muro”, e o atravessa como se soubesse o que está do outro lado. “É isso aí”, é essa mulher guerreira que pede paz e, mesmo que isso seja um paradoxo, está muito perto da verdade, verdade absoluta, relativa, sintética. Verdade que está por traz de sua sapiência, inteligência, sensibilidade e responsabilidade. Mas, e o professor...



“Todo engajado...”

Firme, confiante, persistente, (sensível!!!???), por que não? Também sabe redigir, calcular, medir..., aprendeu com ela (rsrsrsrs). Está sempre buscando, como se lhe faltasse algo (espaço???). Não! Falta-lhe doçura (foi ensinado a ser durão), mas sobra-lhe senso de humor. Não tem vocação para ser psicólogo, também não conheceu Freud. “Ainda vai levar um tempo” pra perceber sua importância na formação da humanidade, porque tem pressa. Mas, está aprendendo a esperar afinal, ele sabe: “Há que se cuidar da vida, há que se cuidar do mundo” torná-lo um lugar melhor, ou seria tornar-se melhor para o mundo? Quem sabe!!! Só se sabe que esse trabalhador “carrega pedra enquanto descansa”. “Ele diz que a vida é viver (...) Somos nós que fazemos a vida, como der, ou puder, ou quiser...” Por isso mesmo, merece nosso respeito, nosso agradecimento, nossa consideração.
Parabenizo a todas as professoras e todos os professores por hoje, por sempre, pelo seu dia, por seus dias de luta e de glória!!!


5 comentários:

  1. Olá querida os professores meressem mesmo pessoas lindas e que seria dos nossos filhos sem eles né adorei suas palavras fala tudo e um otimo dia para ti e dá uma passadinha no meu blog Bjãoooooo*-*
    www.dettinhaesperta.blogspot.com o

    ResponderExcluir
  2. Oie Nata, os professores sao mesmo mto importantes na vida da gente.

    bjiimm e ótimo domingo

    http://muslimahfashionn.blogspot.com/

    http://meuamorpaquistanes.blogspot.com/

    @AndrezaHana

    ResponderExcluir
  3. olá querida vim te fazer uma visita e ja sou sua seguidora.. quero te convidar a passar no meu e seguir de volta tbmmm

    beijo grande
    e parabens pelo blog

    http://amandapavao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi flor...
    Adorei o blog, aproveito e te convido a conhecer o meu espaço!!!
    Besos
    Lidi
    http://viciosedesejos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Estava dando uma olhada nas sua spostagens, e adorei os seus looks alias vc arrasa!!!
    e quando quiser venha me visitar!

    Bjs; Janini

    http://perfumedepitanga.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Nata agradece o seu comentário e o seu carinho!!!!